Quais são os requisitos do Pix? Conheça todos

Os requisitos do Pix para usuários brasileiros, definidos pelo Banco Central no momento, são:

  • 1) Ter uma chave Pix cadastrada
  • 2) Possuir saldo na conta ou cartão de crédito
  • 3) Enviar o seu pagamento

Estes são os requisitos necessários para quem quer saber como fazer um Pix. Com eles, você pode usar o sistema com facilidade e usufruir de todas as suas vantagens. Neste guia, ainda mostraremos outros requerimentos, qual a melhor chave a usar e o que fazer quando não conseguir pagar com ela.

E os requisitos do Pix com cartão de crédito? 

E os requisitos do Pix com cartão de crédito? 

Os requisitos para transformar o limite do cartão em Pix são os mesmos de utilizar o sistema do Banco Central. A diferença, neste caso, é que você precisa ter um cartão de crédito com saldo disponível, além de precisar de um aplicativo que ofereça esse serviço, como o RecargaPay.

A taxa do serviço é de 3,49% e você pode pagar em até 12x. Veja abaixo como fazer o Pix com cartão de crédito:

  • Baixe o RecargaPay
  • Toque em “Pix com cartão”
  • Insira os dados do recebedor
  • Digite o valor a enviar
  • Escolha como vai pagar (selecione o cartão)
  • Escolha as parcelas
  • Confirme

A maneira como funciona o Pix Parcelado é como se fosse uma compra feita online. A transação entra na fatura como um item normal. Entretanto, para o recebedor, o valor cai normalmente, como se fosse um envio tradicional.

Preciso ter conta no banco para fazer um Pix?

Preciso ter conta no banco para fazer um Pix?

Não é necessário ter uma conta em banco para entender como enviar um Pix e usar o sistema do Banco Central. De fato, uma conta em banco não é um dos requisitos do Pix, por exemplo. É isso que explica o próprio FAQ do BC sobre o assunto:

Qualquer pessoa física ou jurídica que tenha uma conta corrente, conta poupança ou conta de pagamento pré-paga em uma instituição participante do Pix

Se você sabe como funciona o Pix, entende que o sistema do Banco Central é obrigatório para todas as instituições financeiras que contam com mais de 50 mil clientes. Isso inclui corretoras, carteiras digitais, instituições de pagamento e outras entidades. Por isso, você pode usar o mecanismo em qualquer uma dessas empresas, não só em bancos.

Os requisitos do Pix são os mesmos em todas as instituições?

Os requisitos do Pix são os mesmos em todas as instituições?

Sim, os requisitos do Pix são exatamente os mesmos em qualquer instituição financeira. Isso faz parte do regulamento do Pix criado pelo Banco Central, de modo a padronizar todas as informações e procedimentos relacionados ao sistema.

Quando se busca entender tudo sobre o Pix, dá para compreender que uma das exigências do BC é que o sistema seja único e com a mesma experiência de uso em todas as entidades. Assim, todas as instituições devem seguir os padrões de qualidade estabelecidos pelo órgão, incluindo a lista de requisitos para participar.

Qual a melhor chave Pix para utilizar no Pix? 

Qual a melhor chave Pix para utilizar no Pix? 

Não existe uma melhor chave Pix para usar. Ao todo, são 4 formatos diferentes e todos eles são úteis e indicados para uma situação em específico. Portanto, o ideal é que você cadastre uma chave de cada formato para não ter problemas.

Veja a seguir um resumo de quando usar cada chave e tirar todas as suas dúvidas sobre Pix:

  • CPF: é a chave mais segura, impossível de sequestrar. É, também, a que revela mais dados. Por isso, deve ser usada apenas em situações formais, como recebimento de salário e indenizações, pagamento de pensões ou impostos.
  • Telefone: é uma chave muito usada nos mais de 1,8 milhão de casos de estelionato digital e golpes do Pix. Por isso, é importante registrá-la logo e nunca cedê-la para ninguém desconhecido, além de tomar cuidado com SMS desconhecidos pedindo para confirmar alguma portabilidade.
  • E-mail: é uma chave também visada para estelionato digital. Portanto, só deve ser usada em transações com empresas (pagamento de boletos) ou para receber de amigos e conhecidos.
  • Chave aleatória: é a chave que menos revela dados e mais protege a sua identidade. É perfeita para transações com pessoas desconhecidas, como compra e venda de produtos online.

O que fazer se eu não conseguir usar a chave Pix?

O que fazer se eu não conseguir usar a chave Pix?

Caso você não consiga usar sua chave para transações, existem outras opções como fazer um Pix com QR Code ou o Pix Copia e Cola. Eles são basicamente a mesma coisa, mas com uma mudança ligeira. No QR Code, você deve gerar ou ler um código QR para carregar as informações da transação. Já o Copia e Cola pega esse mesmo código QR, mas o transforma em uma sequência alfanumérica que pode ser copiada e colada no app de pagamento.

É importante conhecer esses dois métodos para usá-los quando você não conseguir utilizar a sua chave por conta de erros do Pix que podem atrapalhar seus planos financeiros.

Conclusão

Como você viu, os requisitos do Pix são muito tranquilos de serem alcançados, o que faz com que o sistema do Banco Central esteja acessível a praticamente toda a população brasileira no momento. Isso explica a sua popularidade.

Nós recomendamos que você utilize o método de pagamento caso ainda não tenha uma chave cadastrada. Afinal, o sistema trouxe agilidade e facilidade para transações gratuitas entre diferentes instituições.

No entanto, tenha atenção para se prevenir e não cair nos golpes do Pix, tampouco em ser enganado por estelionatários digitais.

Perguntas Frequentes

1. Quais os requisitos para receber o Pix?

2. Qual a norma do Banco Central que instituiu o Pix?

3. Quem pode se cadastrar no Pix?

4. Tem que ir no banco para cadastrar o Pix?

5. Quem não pode ter Pix?

08-LEA-AGO37